segunda-feira, outubro 27, 2008
Sociologia bem escrita
Erick Vasconcelos / 11:25 PM
É interessante notar que na análise da cidade pequena americana, tanto o romancista como o sociólogo tiveram, cada qual a seu modo, a atenção despertada por detalhes semelhantes e chegaram a conclusões muito parecidas. Interessaram-se ambos mais pela situação social do que pelo poder. O romancista ocupou-se de costumes e dos efeitos frustradores da vida na pequena cidade, nas relações e na personalidade humanas, o sociólogo não dedicou muita atenção à pequena cidade como uma estrutura de poder, e muito menos como unidade no sistema de poder nacional. A semelhança de seus efeitos descritivos é revelada pelo fato de que, apesar das provas que encerram, os infindáveis "estudos de comunidades" dos sociólogos parecem freqüentemente romances mal escritos; e os romances, sociologia bem escrita. -- C. Wright Mills, A elite do poder, cap. II, 2, n. 1.
Acho que podemos extrapolar e dizer que, no geral, romancistas compreendem melhor as relações sociais do que sociólogos, certo?